Câmara vai investigar vereador flagrado com maconha em Catas Altas

Espalhe essa notícia:

Nota oficial publicada no site da Câmara de Catas Altas:

O Presidente da Câmara Municipal de Catas Altas – MG, Ronaldo Bento, no uso de suas atribuições conferidas por lei, diante de graves fatos noticiados na imprensa nacional nos últimos dias, relacionados à prisão do vereador Edvane Gonçalves Machado (DEM), vem oficialmente esclarecer:

Presidente da Câmara Municipal de Catas Altas, Ronaldo Bento,

O Poder Legislativo tem funções institucionais, legislativas, fiscalizadoras, administrativas, de assessoramento, além de outras permitidas por lei. Esta casa legislativa está e sempre esteve atenta à administração pública, à legislação vigente, à moral e aos bons costumes, portanto, asseguramos à população que qualquer ato cometido pelos representantes do poder público que venha a comprometer os princípios legais e morais que norteiam a nossa sociedade será devidamente investigado e apurado a sua responsabilidade nos ditames que a lei permite.

Dessa forma, o parlamentar que proceder de modo incompatível com a dignidade da Câmara ou falhar com o decoro na sua conduta pública estará sujeito às penalidades estabelecidas pelo Regimento Interno da Câmara e Lei Orgânica do Município.

Assim, formalizada a denúncia, tipificando a conduta do referido vereador como crime passível de julgamento pela Câmara Municipal, esta não ficará inerte, agindo conforme determina a lei.

Sempre primando pelos interesses da população, nos colocamos à disposição de todos para quaisquer esclarecimentos.”