Greenwood:vagas para internar dependentes e Protocolo de Prevenção contra o Covid-19

Espalhe essa notícia:

Assinam este artigo os psiquiatras Pablo Roig e Juan Pablo Roig Albuquerque******

Danos permanentes nos pulmões e até morte podem ser resultados gravíssimos da ação de vírus que já é apontado como o causador de pandemia, termo este que significa surto global de doença registrada nas Américas, na África, na Europa, no Sudeste da Ásia,no Pacífico Ocidental e no Mediterrâneo Oriental e que já fechou as fronteiras de 92 países. É a pandemia causada pelo novo Coronavírus, chamado COVID-19, transmitido por espirro, tosse e outras formas de contatos, não tendo atualmente medidas específicas para o seu tratamento. Tal fato soou o alarme na CLÍNICA GREENWOOD, especializada há 34 anos no tratamento de dependentes de drogas, em São Paulo. A Clínica GREENWOOD reuniu os seus especialistas e criou o PROTOCOLO DE PREVENÇÃO, SOMANDO ESFORÇOS NO CUMPRIMENTO DAS NORMAS DETERMINADAS PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE PARA pacientes , seus familiares, médicos, enfermeiros e funcionários em suas duas unidades. Na unidade de internação, em Itapecerica da Serra, cidade paulista a 41 quilômetros da capital ,e no hospital – dia, no Jardim Paulista, Zona Oeste da cidade.

Hospital-Dia Greenwood, no Jardim Paulista, Zona Oeste de SP

Na unidade de internação, estão suspensas visitas neste período de medidas anti-COVID- 19 anunciadas pelo governo do Estado. Os contatos com familiares são realizados pela equipe terapêutica e, quando necessário, os pacientes têm comunicação por via virtual.

Greenwood- internação em Itapecerica da Serra

O Protocolo Greenwood vem sendo recomendado pela FEBRACI- Federação Brasileira das Clínicas Terapêuticas Involuntárias, para clínicas  em São Paulo, Minas Gerais, Ceará, Alagoas, Pernambuco e Mato Grosso, Santa Catarina e Rio Grande do Sul . Também vem orientando profissionais de comunidades terapêuticas em Araxá (Minas Gerais), em Caucaia (Ceará) e em Brejo da Madre de Deus (Pernambuco).

A CLÍNICA GREENWOOD também já prepara outra medida inédita. Por causa da epidemia do novo Coronavírus, a maioria das clínicas para dependentes de drogas e também comunidades terapêuticas não vem aceitando novas internações,porque temem causar  surto da  doença  nas suas unidades. MAS A GREENWOOD IRÁ ACEITAR NOVAS INTERNAÇÕES PARA PACIENTES QUE PRECISAM SER INTERNADOS NESTE MOMENTO. PERMANECERÁ EM ÁREAS ISOLADAS DO RESTANTE DA COMUNIDADE POR UM PERÍODO DE 14 (QUATORZE) DIAS, até comprovar não estar contaminado pelo COVID-19. Se estiver, será tratado por especialista infectologista renomado que atenderá nossos pacientes e, se necessário será transferido para um hospital de referência com suporte clínico. 

PREVENÇÃO, PORTANTO, CONTINUA SENDO A ÚNICA VACINA, COMO ENSINAM AS RECOMENDAÇÕES DO PROTOCOLO GREENWOOD PARA limpeza da clínica, distância entre pacientes e medidas especiais para os familiares, médicos e funcionários da Instituição. Entre essas medidas estão, por exemplo:

– constante limpeza por funcionários, antissépticos (Lysoform, Álcool Gel e similares eficazes), de maçanetas, corrimãos, torneiras e locais onde possa haver interação entre diversas pessoas;

– álcool gel  foi substituído por sabonete antisséptico para lavar as mãos, por se tratar de uma clínica de tratamento para dependentes que tem o álcool com elemento de seu consumo tóxico;

– informações permanentes sobre a forma de interagir de maneira prudente e preventiva tanto no contato físico, como nas mediadas de higiene;

. manter distância segura tanto nos períodos das refeições, como nas atividades regidas pelo tratamento;

.- se, eventualmente, for constado paciente infectado, ele será afastado do restante da comunidade para área isolada e, se necessário, transferido para um hospital de referência com suporte clínico. Os demais serão acompanhados para verificação do seu estado, com os testes específicos para Coronavírus.

.PROFISSIONAIS E CLÍNICAS QUE TIVEREM INTERESSE EM CONHECERO PROTOCOLO GREENWOOD PODEM MANDAR MENSAGEM OU LIGAREM PARA O CELULAR / WhatsApp (11) 94223-4184 e falarem com a Coordenadora do Instituto Greenwood, Helena Parolari.

É A CLÍNICA GREENWOOD PRATICANDO SAÚDE E CUMPRINDO AS NORMAS ESTABELECIDAS PELO GOVERNO FEDERAL E GOVERNO DO ESTADO NA DEFESA DOS DIREITOS DOS PACIENTES E DE SUAS FAMÍLIAS.

Psiquiatra Pablo Roig, Diretor Clínico da Greenwood,  CRM: 24968


Psiquiatra Juan Pablo Roig Albuquerque, Diretor Técnico substituto – CRM: 126345


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *