Casagrande e o psiquiatra Pablo Roig denunciam as consequências perversas do preconceito contra o dependente de droga no Brasil

Espalhe essa notícia:

Casagrande, o ídolo ,chora e denuncia as consequências do preconceito da Sociedade com dependentes de drogas. Ele está em recuperação, após tratamento de um ano, e continua em tratamento na Clínica Greenwood “Eu estou sofrendo continuamente por estar sendo chamado de drogado. Está sendo uma facada no meu peito. E muita gente sofre com isso. Ao invés de estenderem a mão, as pessoas são cruéis, é puxar o tapete, é não respeitar o ser humano.”


Psiquiatra Pablo Roig: “Dependência de droga é doença´. Mas o preconceito marca essa doença no Brasil. E. no entanto, é doença do cérebro. O preconceito faz com que o doente demore a procurar tratamento. Chama a atenção a falta de interesse da Sociedade sobre essa grave doença!!!.”

E o dr. PABLO ENFATIZA: “O CASAGRANDE FOI UMA INSPIRAÇÃO PARA MUITOS DEPENDENTES SE TRATAREM.”

Depoimentos na live “Um outro olhar sobre a Dependência Química”..

ASSISTA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *