121, o telefone que salva vidas e une famílias em todo o país

Espalhe essa notícia:

121, o telefone que salva vidas e une famílias. É o número gratuito da Central de Relacionamento do Ministério da Cidadania para atender dependentes químicos e familiares que buscam tratamento.

SÃO 11 MIL VAGAS GRATUITAS em 484 COMUNIDADES TERAPÊUTICAS CREDENCIADAS PELA SECRETARIA NACIONAL DE CUIDADOS E PREVENÇÃO ÀS DROGAS, DO MINISTÉRIO DA CIDADANIA. Isso significa que, mesmo nestes tempos da COVID-19 os acolhimentos continuam sendo aceitos. Mas com o novo paciente ficando em quarentena, portanto, separado dos outros internos e sendo submetido a exame para verificar se não tem risco para o novo coronavírus. Além disso, a SENAPRED faz acompanhamento semanal de todas as suas comunidades terapêuticas, como medida de segurança para acolhidos, funcionários e familiares.

O ACOLHIMENTO EM COMUNIDADE TERAPÊUTICA é ação exemplar da Secretaria Nacional de Cuidados e Prevenção às Drogas , que aumentou em mais de cinco vezes o número de vagas financiadas pelo governo federal: no início de 2019, eram duas mil, hoje já são 11 mil vagas em todo o país . O dependente precisa aceitar o tratamento. E o tempo do acolhimento  varia de três a 12 meses.

Mapa com todas as comunidades terapêuticas credenciadas pela SENAPRED está no site do Ministério da Cidadania, informando localização,número de vagas, telefone e e-mail para contatohttp://mds.gov.br/area-de-imprensa/noticias/2019/julho/ministerio-lanca-mapa-virtual-de-comunidades-terapeuticas-no-brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *