DEPENDÊNCIA DE DROGAS: O QUE PAIS TÊM QUE SABER

Espalhe essa notícia:

1)Dependência de droga é uma doença do cérebro , prova com pesquisas a psiquiatra NORA VOLKOV, Diretora do maior centro de estudos sobre drogas no mundo, o National Institute on Drug Abuse, nos Estados Unidos. O uso de droga desestrutura de tal forma o cérebro que passa a ser prioridade , por isso se chama dependência, mudando critérios valorativos, prioridades  transformando o usuário em um ser imediatista e impulsivo.

Dra.Nora Volkov

2)Quem oferece a droga é sempre alguém conhecido : colega ou parente, contam dependentes em recuperação. Portanto, conheça os colegas do seu filho.

3)Quanto mais cedo se experimenta droga, mais rápido se desenvolve a dependência. No grupo Regional Norte Paulistana da Federação de Amor-Exigente já há mãe com filho de oito anos dependente de maconha, que experimentou com coleguinha no condomínio, onde mora, em São Paulo.

4) Nunca deixe filho menor de 18 anos experimentar bebida ou cigarro em sua casa por três graves motivos. Primeiro: pai e mãe têm que cumprir a lei em vigor, que proíbe bebida e tabaco- incluindo fumar no narguilé- para crianças e adolescentes. Segundo:quanto mais cedo se experimenta, maior é a possibilidade de se tornar dependente. Terceiro:se você permitir porque está em casa, na verdade, estará incentivando seu filho a experimentar também outras drogas, como maconha, com pessoas em quem confia, como colegas ou parentes.

  • 5) PELA DROGA, vale tudo: até roubar e se prostituir, revelam dependentes em recuperação.

6) NAS FESTAS, vem sendo utilizada droga que facilita o estupro porque é misturada à bebida e 24 horas depois, sai do corpo. Portanto, oriente seus filhos a NUNCA ACEITAR BEBIDA DE ESTRANHO ; EM FESTA OU CASA NOTURNA SOMENTE TOMAR BEBIDA ABERTA NA HORA E NA FRENTE DE QUEM IRÁ TOMAR.

7) NUNCA VOLTAR com colega que dirige mas toma bebida alcoólica na festa ,porque a possibilidade de ser vítima de um grave acidente é muito grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *