Famílias de 10 estados revelam dúvidas e até medo do PL399/2015,em carta aos deputados federais

Espalhe essa notícia:

Famílias de 10 Estados revelam dúvidas e até medo das consequências do substitutivo do projeto de lei 399/2015, que autoriza plantar maconha no Brasil para uso até em produtos não medicinais, como alimentos. SÃO mães, pais, irmãos e tios de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina,Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia Maranhão, Ceará e Sergipe. São 104 mães, pais, irmãos e tios, a maioria líder em seus bairros ou em suas 45 cidades, que aceitaram assinar comigo a nova carta , solicitando esclarecimentos sobre o substitutivo do PL 399/2015 ,que estou enviando aos senhores,deputados federais da Comissão que poderá votar esse PL na próxima semana . Apresentamos duas solicitações urgentes sobre o SUBSTITUTIVO do projeto de lei 399/2015.

A CARTA

Prezado Deputado

Em nome de famílias de 10 ESTADOS -São Paulo, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina,Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia Maranhão, Ceará e Sergipe- informo que há muitas dúvidas e até medo das consequências do substitutivo do projeto de lei 399/2015, que o senhor poderá votar na próxima semana. São questionamentos de 104 mães, pais, irmãos e tios, a maioria líderes em seus bairros ou em suas 45 cidades, que aceitaram assinar comigo a nova carta que estou enviando aos senhores,deputados federais. Apresentamos, portanto, duas solicitações urgentes sobre o SUBSTITUTIVO do projeto de lei 399/2015.

PRIMEIRA : muitos não conhecem o Substitutivo . E quando informei que o PL autoriza plantação de maconha para uso em produtos NÃO MEDICINAIS, inclusive, alimentos, protestaram e até ficaram nervosos, respondendo que “jamais apoiariam esse imenso risco para suas famílias e que não querem produtos com maconha em suas casas”. Como eleitores, portanto, repetem a mesma pergunta: qual a necessidade de plantar maconha no Brasil? No meio de uma pandemia gravíssima como a da COVID-19, por que a pressa para votar projeto tão polêmico sobre droga proibida no Brasil por causar doenças graves?

SEGUNDA:como eleitores me perguntaram: se esse projeto autoriza plantação de maconha para uso em PRODUTOS NÃO MEDICINAIS, por que a votação vai ser em Comissão Especial que tem finalidade restrita ao seu nome -Remédios com Cannabis. Não é contraditório votar produtos não medicinais nessa Comissão?

Como mães e pais todos se solidarizam com as famílias que necessitam do tratamento para as crianças com epilepsia de difícil controle. Porém, quando informo o que diz o Conselho Federal de Medicina e a Associação Brasileira de Neurologia, todos PERGUNTAM: não seria mais adequado esses doentes, 10% dos casos de epilepsia de difícil controle, portanto, cinco a seis mil casos, terem esse remédio de GRAÇA no SUS?

Agradecemos a atenção e aguardamos suas importantes respostas:

Izilda Alves – jornalista e Editora do site “Diário Antidrogas , em São Paulo ASSINAM ESTA CARTA:

SÃO PAULO

CAPITAL

Miguel Tortorelli – Vice- Presidente da Federação de Amor-Exigente

Regina Tortorelli- Coordenador da Regional Norte Paulistana da FEAE

-Marly Lima

Deise Tavares

Céĺia Galan

-Ângela Maria dos Santos

-Roberto Calixto Cabral

CIDADES

COTIA ( SP)

Jani Xavier, Assistente Social de Cotia (SP) representando mães de Sergipe, Brasília, Santa Catarina e 14 municípios de SP: Guarulhos, São Miguel Arcanjo, Sorocaba,Ibiúna, São Roque,Taubaté São José do Rio Preto, Piracicaba, Vargem Grande ,Itapevi, Carapicuíba, Osasco, Jandira e Ribeirão Preto

SÃO BERNADO DO CAMPO

Adilson e Rosemarie Bianchi Massanet

LIMEIRA

Hilda Souza Costa, jornalista e apresentadora do programa “Café com Você”

SERRA NEGRA

-Fábio Magalhães

SÃO JOÃO DA BOA VISTA

Eliseu Marcel Domingos, Coordenador da Comunidade Terapêutica Projeto Fênix

ARAÇATUBA

Adalberta de Holanda Cavalcante Fortes Martins

Poá

Débora Santino

Taubaté

Julieta Aparecida Barbosa de Santa Rita

Lydio Henrique Rossiter de Santa Ritta

Erick alfredo Barbosa Santa Ritta

Ubatuba

Luiza Penteado Adolpho

Rômulo Ayron Cabral dos Santos

MATO GROSSO DO SUL

Campo Grande, capital

Tania Cardoso da Cunha

Emerson Belaus de Carvalho Pereira

Elizabeth Ribeiro

Rogério de Andrade João

-Ana Lúcia Alves de Arruda Pereira

-Dalva Lúcia Junqueira Figueiredo

-Maria José Jardim Machado

-Fátima Coelho de Oliveira Baptistotte

-Ivo Alves Pimenta

-Tania Tanus

-Cilas Borges

-Lilian Rocha Pereira Borges

Maria Bernadeti Ávila Zaher

Suzelly Silveira Silva Viotto

Irma Cabreira

Namir das Graças Zorzzi Amaral

Maria Aparecida de Souza Silva

Namir das Graças Zorzzi Amaral

Maria Aparecida de Souza Silva

Ribas do Rio Pardo MS

Florinda Vançan Medina.

Luiz Carlos Maciel Medina

SANTA CATARINA

Camboriú

Vanilza Domingos de Souza da Silva

RIO GRANDE DO SUL

CIDADES

São Leopoldo

Maria Márcia de Mello

Gravataí

Ana Claudia Braun

Brenda Antunes

Cachoeirinha

Marta Santos dos Santos ( TIA E MÃE)

MARANHÃO

São Luís, capital

Marlene de Jesus Sousa, São Luís

município: São José do Ribamar

Erisson Alan Sousa Lindoso

CEARÁ

Fortaleza

Luciana Ferreira Silva

Carla Micheline de Carvalho Ramos

Onélia Soares Barbosa

Sobral

Maria Ivone Santos Mesquita, de Sobral, Presidente do Instituto Casa Belém.

Tamiles Mesquita de Medeiros Lima

Claiane lara Silva Franca

Samila da Silva Sousa –

Benedita Maria dos Santos

AMONTOADA

Carlos Roberto Bruno Teixeira

Ana Célia Vasconcelos

FORQUILHA

Francisca Nilda Feijão Silva

GRAÇA

Janacleia de Alcântaras Silva

ITAREMA

Maria Rosenade Alves

IBIAPINA

Taymara Oliveira Lopes

– MINAS GERAIS

Geraldo Morais Neto

Rute Léia Barbosa Ruas

Ana Cristina Silveira Moreira

Tomaz de Aquino Moreira

Elenice das Dores Venâncio

Luciene Carvalho Vasconcelos e Vasconcelos

Ana Flávia de Jesus do Carmo

CIDADES

Uberlândia

Elaine dos Santos Uberlândia

Cátia Regina Bettim Gonzaga

Guilherme Pires Gonzaga

Neusa Pires Gonzaga-

Miriam Pires Naves Oliveira

Kamila Mendes da Costa

Danúbia Líbano Camargos

Maria Auxiliadora

Neusa Pires Gonzaga

Ely Vieira de Brito Borges

Mirtes Ferreira Macedo Silva

Araguari

Marcia Regina de Melo Araújo

JUIZ DE FORA

Regina Célia Asth Fernandes

Luiz Carlos Fernandes

Rafael Asth Fernandes

Rosilene Soares Asth Fernandes

Anderson Asth Fernandes

RIO DE JANEIRO

Mirta Baroni Domingues

Niterói

Rosa Escobar

BAHIA

Salvador

Iracilda Carvalho Caetano

#PL399NÃO