PL399 torna “inofensiva” a maconha,droga de alto risco ao suicídio,alertam mãe e pesquisa

Espalhe essa notícia:

O PL399 quer plantar maconha no Brasil para usar em vários produtos. Já nos Estados Unidos, pesquisa alerta que maconha está associada ao aumento do número de tentativas de suicídio entre americanos de 18 a 35 anos. Estudo do Instituto Nacional de Estudos sobre Drogas com “mais de 280.000 americanos com idades entre 18 e 35 anos. A pesquisa concluiu que mesmo as pessoas que não usaram maconha diariamente, menos de 300 dias por ano,eram mais propensas a ter ideação suicida e a planejar ou tentar o suicídio do que aquelas que nunca usaram a droga”. A pesquisa foi publicada em 22 de junho no site da Associação Médica Norte-Americana, JAMA NETWORK OPEN.

O PL399 AUMENTA ESTE GRAVE RISCO NO BRASIL porque ao autorizar plantação de maconha para uso até em alimentos e em vários produtos NÃO MEDICINAIS passa a ideia de maconha ser “ inofensiva”.Portanto, aumenta a possibilidade do uso dessa droga .

Senhora Silmara da Silva

“MINHA FILHA , DEPENDENTE DE MACONHA, TENTOU SUICÍDIO”

Aconteceu em Sorocaba, cidade paulista a 83 quilômetros da capital. “A minha filha foi na onda dos colegas do colégio e, aos 17 anos, experimentou. O que aconteceu foi uma tragédia. Ela tentou suicídio quatro vezes pela depressão profunda que a maconha causa. E foi internada por seis meses numa clínica particular, porque na rede pública é dificílimo encontrar vaga para adolescentes. Ela tinha apenas 20 anos. E, para pagar, eu fui obrigada a vender uma casa em que o aluguel me ajudava a pagar as contas do mês.” Escreveu a senhora SILMARA DA SILVA ao Presidente da Câmara, em protesto à aprovação do PL399, em 8 de junho, por apenas 17 deputados federais.(http://diarioantidrogas.com.br/2021/06/14/o-pl399-me-causa-desespero-escreve-ao-presidente-da-camara-mae-com-filha-dependente-de-maconha-quetentou-suicidio-e-foi-internada-por-6-meses/)

Presidente da Câmara dos Deputados, deputado Arthur Lira

O deputado federal Arthur Lira irá decidir se o PL399, aprovado em 8 de junho em comissão da Câmara será novamente votado no plenário pelos 513 deputados federais OU o resultado será enviado ao Senado.Como a senhora Silmara,mães de dependentes de maconha e famílias de Norte a Sul do país estão enviando protestos contra o PL399 em e-mails ao Presidente da Câmara.

“MULHER QUE FUMA MACONHA TEM MAIOR RISCO PARA O SUICÍDIO”

A autora do estudo, Beth Han,do NIDA, informa que a pesquisa descobriu que “as mulheres que usaram maconha em qualquer nível eram mais propensas a ter ideação suicida ou relatar um plano ou tentativa de suicídio do que os homens com os mesmos níveis de uso de maconha”.

Diretora do NIDA, psiquiatra Nora Volkov

C OM A PESQUISA,MÉDICOS PODERÃO ORIENTAR MELHOR OS PACIENTES”

A diretora do NIDA,psiquiatra Nora Volkow,autora sênior do estudo enaltece a importância do estudo:“À medida que entendemos melhor a relação entre o uso de maconha. depressão e suicídio, os médicos serão capazes de fornecer melhor orientação e atendimento aos pacientes.”

#PL399NÃO

PESQUISA DO NIDA

https://www.drugabuse.gov/news-events/news-releases/2021/06/cannabis-use-may-be-associated-with-suicidality-in-young-adults

PESQUISA PUBLICADA NO JAMA NETWORK OPEN

https://jamanetwork.com/journals/jamanetworkopen/fullarticle/2781215?resultClick=3