CARTA ABERTA DA FEBRACI ÀS AUTORIDADES DE SAÚDE

Espalhe essa notícia:

Doentes mentais que precisam de tratamento, eram aprisionadas no quintal de uma casa, em cubículos fechados com grades e cadeados, PROVAM ESTAS FOTOS DIVULGADAS PELA POLÍCIA DE CRATO, NO CEARÁ

DOENTES MENTAIS PRESAS NESTES CUBÍCULOS DESDE 2015! Fato gravíssimo que só foi descoberto ESTA SEMANA, após denúncia de familiar à POLÍCIA.. Era uma FALSA CLÍNICA, que nunca foi visitada pela Vigilância Sanitária na cidade de Crato, no Ceará.

Retrato desumano do tratamento de doentes mentais e dependentes de drogas que, nós, da FEBRACI, queremos eliminar no país. Como Federação Brasileira das Clínicas de Internação temos recebido denúncias de tratamentos desumanos, como o de Crato, em várias cidades brasileiras.

MOTIVO DE NOSSA LUTA, HÁ (9) NOVE ANOS, PARA CRIAR, COM AS AUTORIDADES DE SAÚDE PÚBLICA, DOCUMENTO QUE REÚNA TODAS AS LEIS EM VIGOR A SEREM SEGUIDAS PELAS VIGILÂNCIAS SANITÁRIAS NO PAÍS, DESDE A ABERTURA DA CLÍNICA .LEIS QUE ASSEGURAM TRATAMENTO HUMANO E ÉTICO, RESPEITANDO O DOENTE E SUA FAMÍLIA.

NO CASO DE CRATO, ESTAMOS COBRANDO RESPOSTAS DAS SECRETARIAS DE SAÚDE DO MUNICÍPIO E DO ESTADO. Como declarou a delegada Kamila Britto à imprensa, “ o local não tinha nenhuma condição de funcionamento, MAS mantinha presas 33 mulheres. Encontramos desde restos de comida, sujeira, até cachorros e porcos no mesmo ambiente. Muitas faziam as necessidades fisiológicas em baldes e passavam o dia e a noite convivendo com o mau cheiro, porque eram proibidas de saírem dos cubículos.”

NÓS, DA FEBRACI, vamos também enviar as fotos dessa monstruosidade ao Ministério da Saúde, ao Conselho Federal de Medicina, ao Ministério da Mulher , da Família e dos Direitos Humanos para , mais uma vez, solicitar seus importantes apoios à nossa luta pelo cumprimento das leis no tratamento de doentes mentais e dependentes de drogas .LEIS FEDERAIS que garantem o que as famílias mais necessitam: a garantida da recuperação, com respeito e segurança, do seus entes queridos..

Roberto Brunelli,fundador da FEBRACI

Renata Brunelli. Presidente da FEBRACI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *