“28 VAGAS num único hospital para internar dependentes em SP.” Esta a parceria do Governo do Estado com a Prefeitura

Espalhe essa notícia:

COM A PALAVRA, A SECRETARIA ESPECIAL DE COMUNICAÇÃO DA PREFEITURA DE SÃO PAULO

DIÁRIO ANTIDROGASQuantos dependentes estão em cracolândias na cidade de São Paulo?

PREFEITURA-A Prefeitura Municipal de São Paulo informa que em dezembro de 2021 a média da estimativa de pessoas na região da cena de uso aberto da Luz no período da manhã foi de 574 pessoas.   Os números estimativos de pessoas na região da cena de uso aberto da Luz são gerados por meio da aplicação do método de Jacobs nas fotografias, com relatórios estimativos de pessoas na cena de uso aberto da Luz.  O método de Jacobs de cálculo de multidões envolve dividir a área ocupada por uma multidão em seções, determinando um número médio de pessoas em cada seção e multiplicando pelo número de seções ocupadas. Caso haja dispersão desigual dos indivíduos pelo território, esse fator também é levado em consideração na mensuração final.   Respeitadas as condições metodológicas de obtenção dos dados, os valores diários pressupõem curvas de médias mensais. Com o objetivo de padronização da metodologia, os valores são relativos ao período matutino diário para compor a média mensal de estimativa de público da cena de uso aberto da Luz. 

DIÁRIO ANTIDROGASQuais os hospitais para internação desses dependentes na cidade de São Paulo? E qual o tempo da internação?

PREFEITURA– As vagas em leitos hospitalares atualmente são realizadas por meio de parceria com o Governo do Estado no Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental (CAISM) Philippe Pinel. Atualmente a parceria conta com 28 vagas. O tempo de internação é variável para cada paciente. 

DIÁRIO ANTIDROGAS Por que a Prefeitura determina a Redução de Danos como tratamento para os dependentes de drogas e como define a Redução de Danos?

PREFEITURA-A Prefeitura não utiliza como pré requisito para a aderência ao tratamento no Programa Redenção nem a Redução de Danos e nem a Abstinência. Cada indivíduo tem seu tratamento/encaminhamento definido após avaliação médica em um Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD) e elaboração do Projeto Terapêutico Singular (PTS) elaborado por equipe multidisciplinar nos SIAT. São levadas em consideração a sua trajetória e possibilidades de tratamento e assim é definido qual a melhor linha terapêutica a ser seguida.

DIÁRIO ANTIDROGASComo é o atendimento nos Serviços Integrados de Acolhida Terapêutica (Siats)? A abstinência é obrigatória? 

O Redenção é um Programa intersetorial e que oferece vagas para atendimento humanizado em saúde, assistência social e trabalho e empreendedorismo em alguns equipamentos da Prefeitura Municipal de São Paulo, por meio do Serviço Integrado de Acolhida Terapêutica – SIAT.   

O SIAT engloba as ações integradas entre equipamentos e serviços, com o objetivo de prestar atendimento a indivíduos fazem parte do público-alvo do Programa Redenção. Este serviço está subdividido em três categorias a depender do nível de autonomia do usuário acolhida:   

– SIAT I – Abordagem e busca ativa a pessoas que estejam em situação de rua nas cenas de uso de drogas;    

– SIAT II – Acolhimento de curto prazo e de baixa exigência em relação ao usuário; ações de redução de danos em saúde e assistência social; tratamento e acompanhamento em saúde e elaboração do Projeto Terapêutico Singular; trabalho social visando a autonomia do usuário;   

– SIAT III – Acolhimento de médio prazo, coletivo ou familiar, para execução das ações contidas no Projeto Terapêutico Singular. Ações de lazer, esporte e cultura. Oferta variada de cursos de capacitação e qualificação profissional visando a inserção social e produtiva.   

Atualmente as unidades de SIAT pelo Município são: 

° SIAT II Armênia – 200 vagas 24 horas – Rua Porto Seguro, 281, Armênia 

° SIAT II Glicério – 200 vagas 24 horas – Avenida Prefeito Passos, 25, Glicério 

° SIAT III Brasilândia – 55 vagas – Av. Parapuã, 722 – Brasilândia 

° SIAT III Heliópolis – 56 vagas – Avenida Almirante Delamare, 3033 – Heliópolis 

° SIAT III Ermelino Matarazzo – 60 vagas – Av São Miguel ,1745 – Ermelino Matarazzo 

Para mais informações sobre nossos equipamentos: https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/governo/programa_redencao/index.php?p=276582 

 DIÁRIO ANTIDROGASQuanto a Prefeitura investe nos programas para dependentes de drogas?

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE– O custo mensal da manutenção dos equipamentos e serviços do Programa Redenção é de R$ 3.334.047,44, conforme pode ser visualizado abaixo:  

Equipamento/serviço  

Vagas  

Custo mensal  

SIAT I – Redenção na Rua  

-  

R$ 712.141,51  

SIAT II Armênia  

200  

R$ 771.847,96  

SIAT II Glicério  

200  

R$ 1.125.307,90  

SIAT III Brasilândia  

55  

R$ 240.703,48  

SIAT III Ermelino Matarazzo  

61  

R$ 256.096,14  

SIAT III Heliópolis  

56  

R$ 227.950,45  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *